Lubrax CVTF: chega ao mercado novo lubrificante premium sintético para transmissões automáticas CVT

A Petrobras Distribuidora está lançando o Lubrax CVTF, lubrificante totalmente sintético, de elevado desempenho, indicado para utilização nos principais modelos de transmissões CVT (Continuous Variable Transmissions) existentes no mercado.

O novo produto da linha Lubrax é formulado com agentes modificadores de fricção com alto nível de durabilidade, proporcionando uma menor ocorrência de trepidações e ruídos ao longo da vida útil do óleo, propiciando maior conforto na direção, redução do nível de desgaste das polias e correias e elevada eficiência na transferência de torque, quando comparado a produtos similares.

O consultor da gerência de Tecnologia e Desenvolvimento de Lubrificantes da Petrobras Distribuidora, Marco Antônio Gonzalez, explica que o lançamento do Lubrax CVTF está em linha com os avanços tecnológicos na indústria automotiva no país, que não consideraram isoladamente o motor para o atingimento das metas de redução do consumo de combustível e das emissões, mas sim incorporaram o sistema de transmissão para alcançar esse objetivo.

Evolução – O consultor lembra que, embora as transmissões automáticas CVT tenham sido uma novidade no Brasil a partir dos anos 2000, o seu conceito é muito antigo, idealizado por Leonardo da Vinci, no século XV.

Muito tempo depois, já no século XX, década de 50, na Holanda, o inventor e empresário Hub Van Doorne desenvolveu esse sistema de transmissão, porém utilizando correias de borracha, sem o emprego de lubrificante. Em 1958, com o nome Variomatic, o sistema foi empregado em um veículo do fabricante holandês DAF e terminou abandonado devido a constantes panes por quebras das correias. Assim, a transmissão CVT voltou ao estágio de pesquisa e desenvolvimento e quase foi esquecida nas décadas seguintes.

Com a entrada das regulações ambientais visando à redução do consumo de combustível e das emissões, a partir de meados da década de 80, vários fabricantes de transmissões automáticas adquiriram a licença da patente junto a DAF como, por exemplo, a ZF, na Alemanha, a AISIN e JATCO, no Japão, tendo o principal ponto comum desenvolver um sistema mais confiável com o emprego de correias metálicas.

A partir dos anos 2000, grandes fabricantes japoneses começaram a lançar novos modelos providos de transmissão CVT, justamente para atender às demandas cada vez mais exigentes dos regulamentos de emissões, sendo de grande aplicação em automóveis com tração dianteira.

Linha Lubrax - Comercializado em embalagens de 1 litro, o Lubrax CVTF é produzido na fábrica da Petrobras Distribuidora localizada no município de Duque de Caxias (RJ), maior planta industrial do gênero em um único site, na América Latina. A linha Lubrax completa é composta por mais de 130 produtos, para aplicações automotivas, industriais, ferroviárias e também embarcações, além de graxas e outros.