Notícias

Petrobras Distribuidora teve lucro liquido de
R$156 milhões no 1º trimestre de 2017

Resultados foram anunciados pela diretoria em evento interno neste dia 25/05

A Petrobras Distribuidora registrou um lucro líquido de R$ 156 milhões no primeiro trimestre de 2017, o triplo do apurado no quarto trimestre de 2016. Já o lucro operacional foi de R$ 428 milhões; a geração de caixa, de R$ 676 milhões (R$ 1,1 bilhão acima do mesmo período de 2016); e a dívida líquida caiu R$ 1,2 bilhão em relação aos primeiros três meses do ano passado. Os resultados foram anunciados pela diretoria da BR à força de trabalho, em evento interno na sede da empresa, neste dia 25/05.

Muito possivelmente essas ações contêm vírus ou algum programa para captura de informações, e geralmente são utilizadas para aplicação de golpes virtuais. Para cada caso que aparece temos tomado as medidas cabíveis para combatê-lo e buscado trazer a público para evitar que pessoas sejam vítimas de fraudes.

No primeiro trimestre de 2017, o lucro da Petrobras Distribuidora não foi impactado por eventos extraordinários, ao contrário do que ocorrera em períodos anteriores. Em relação ao mesmo período de 2016, houve redução anual de perdas em créditos a clientes (R$ 495 milhões) e em processos administrativos (R$ 288 milhões). Além disso, o custeio seguiu em queda – de R$ 46 milhões (ou 4,4%) – em relação ao primeiro trimestre de 2016, em função principalmente de menores gastos com fretes e despesas gerais.

Indicadores e share – Também não ocorreram vazamentos no primeiro trimestre de 2017 e a Taxa de Acidentados Registráveis por Milhão de Homens-Hora (TAR), importante indicador de SMS, ficou 47,7% abaixo do limite máximo admissível.

Além disso, a empresa se manteve na liderança nacional do mercado revendedor, com 24,4% de market share, assim como no mercado de grandes consumidores, com uma fatia de 46%.